sábado, 28 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 71

Hoje é sábado. São 15h13.

Estou no consultório Psicologia e Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira com minha mochila em cima.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 70

Hoje é quinta-feira. São 17h.

Estou no consultório Psicologia e Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira com minha mochila em cima.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 69

Hoje é terça-feira. São 12h02.

Estou no consultório Psicologia e Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira com minha mochila em cima.

Por aqui, luzes apagadas e tudo silencioso.

O celular bipa. Whatsapp do André. Whatsapp da Carla. Whatsapp do André. Whatsapp da Carla. Whatsapp do André. 

Volto ao silêncio.

O celular bipa. Whatsapp do André. Whatsapp do grupo HeadHunteRH. Whatsapp do André. 

Volto ao silêncio.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Em observação, no Espaço da Mulher - 65

Hoje é segunda-feira. São 8h32.

Estou no Espaço da Mulher, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, uma cadeira com minha mochila em cima. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma mesa com várias cadeiras vazias.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 68

Hoje é quinta-feira. São 17h50.

Estou no consultório Psicologia & Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, um móvel com minha mochila em cima. Na minha frente, Adriana(*) faz redação.

Adriana(*) é negra, alta, um pouco acima do peso, cabelo curto, preto, crespo (ao natural). Veste um vestido preto, justo, um colar de prata. E está séria e silenciosa, fazendo a redação. Coça a cabeça. Volta a fazer a redação. Coça a orelha, lê o que já escreveu. Volta a fazer a redação.

Ela vira a folha para escrever no verso.

- Não, escreve na outra.

Ela resmunga alguma coisa e escreve na outra. Continua fazendo a redação. Nós duas silenciosas. Adriana(*) tosse. Estala a língua. Volta a fazer a redação, em silêncio. Resmunga alguma coisa. 

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 67

Hoje é quarta-feira. São 16h03.

Estou no consultório Psicologia e Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira com minha mochila em cima.


Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 66

Hoje é terça-feira. São 12h.

Estou no consultório Psicologia e Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes apagadas e tudo silencioso.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Em observação, no Espaço da Mulher - 64

Hoje é segunda-feira. São 8h30.

Estou no Espaço da Mulher, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, uma cadeira com minha mochila em cima. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, mesa e cadeiras vazias.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Em observação, no Infnet

Hoje é sexta-feira. São 9h28.

Estou no Instituto Infnet, no Centro, sentada na recepção.

Ao meu lado direito, uma porta de elevador. Ao meu lado esquerdo, minha mochila em cima e um banco vazio. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam, para um lado e para o outro.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente. É branco, alto, magro. Tem cabelo castanho claro, curto, usa óculos e carrega uma mochila. Veste calça jeans e blusa polo verde e um sapatenis cinza.

Um homem passa na minha frente. É branco, baixo, magro. Carrega um copo descartável.

Um homem passa na minha frente. É moreno, alto, gordinho, cabelo preto, curto. Usa bolsa marrom, tipo carteiro. Veste calça jeans, blusa marrom e tênis preto.

Uma mulher passa ao meu lado direito, saindo do elevador.

Um homem passa na minha frente. É alto, mulato, magro.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente mexendo no celular e carregando um livro. É branco, baixo, magro.

Um homem passa e pára na minha frente. É moreno, alto, magro.

Um homem passa na minha frente. É negro, magro, baixo, cabelo comprido com dreads.

Um homem passa na minha frente carregando um aramado de metal. É negro, baixo, um pouco gordinho.

Uma mulher passa na minha frente.

- Aí eu vim assim, ó...

Um homem passa na minha frente. É mulato, alto, magro, cabelo raspado. Veste calça jeans, blusa polo azul, tênis preto e mochila preta.

Uma mulher passa na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente carregando um espanador.

Duas mulheres passam na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente. É branca, magra, baixa.

Duas mulheres passam na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente carregando um pano.

Um homem passa na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente carregando um pote.

Dois homens passam na minha frente.

Mudo de lugar e sento mais próxima à recepção.

Um homem passa na minha frente. É moreno, baixo, magro.

Um homem passa na minha frente. É negro, magro, alto, cabelo raspado preto. Usa calça jeans, blusa social listrada, sapatênis preto e mochila preta.

Um homem passa na minha frente. É branco, alto, magro. Veste calça social preta, blusa social branca e preta e mochila preta.

Um homem passa na minha frente. É negro, magro, alto, cabelo raspado preto. Usa calça jeans, blusa social listrada, sapatênis preto.

Um homem passa na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente carregando um saco plástico e um espanador. É mulata, magra, baixa, e está uniformizada com roupa de empresa de limpeza.

Um homem passa na minha frente. É mulato, alto, um pouco gordinho, e cabelo raspado, curto.

Um homem passa na minha frente.

Fui chamada.

(...)

Agora são 11h01.

Estou sentada em uma recepção interna.

Ao meu lado direito, minha mochila em cima e um banco vazio. Ao meu lado esquerdo, uma porta fechada. Na minha frente, um vão por onde as pessoas passam.


Estou sozinha aqui e, por aqui, está tudo aceso e silencioso.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Em observação, no Espaço da Mulher - 63

Hoje é quinta-feira. São 8h09.

Estou no Espaço da Mulher, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, uma cadeira com minha mochila em cima. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma mesa com cadeiras vazias.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 65

Hoje é terça-feira. São 16h07.

Estou no consultório Psicologia & Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Em observação, no Espaço da Mulher - 62

Hoje é segunda-feira. São 8h27.

Estou no Espaço da Mulher, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, uma cadeira com minha mochila em cima. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, mesa e cadeiras vazias.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Em observação, na fisioterapia - 6

Hoje é quinta-feira. São 12h27.

Estou na fisioterapia, sentada à recepção.

Ao meu lado direito, a porta de entrada. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira com minha mochila em cima. Na minha frente, um vão por onde as pessoas passam.

Por aqui, luzes acesas, o ventilador ligado, a TV ligada nA Globo.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 64

Hoje é quarta-feira. São 15h58.

Estou no consultório Psicologia & Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.


Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

O celular bipa. Lembrete da agenda.

Volto ao silêncio.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Em observação, no Psicologia e Coaching - 63

Hoje é terça-feira. São 7h32.

Estou no consultório Psicologia & Coaching, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, parede. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira com uma bolsa em cima. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Em observação, no escritório do pai - 21

Hoje é segunda-feira. São 19h28.

Estou no escritório do pai, sentada à mesa dele, na sala dele.

Ao meu lado direito, uma mesa com várias coisas em cima. Ao meu lado esquerdo, minha mochila no chão. Na minha frente, duas cadeiras vazias.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

O relógio bate 19h30.

O celular bipa. Inbox da Lylian.

Volto ao silêncio.