domingo, 31 de dezembro de 2017

Em observação, no táxi - 22

Hoje é segunda feira.

O celular bipa. Whatsapp do Carlos Alberto.

São 19:53.

O celular bipa. Whatsapp do Carlos Alberto.

Estou no táxi, sentada. 

Ao meu lado direito, porta e janela fechadas. Ao meu lado esquerdo, um banco vazio. Na minha frente, um banco vazio.

- Pode entrar na primeira mesmo, por favor.

- A terceira a esquerda, tá moço, por favor?

- Lá no final a minha direita, por favor. Aqui, moço. Muito obrigada. Tchau, fica com Deus. Boa noite. Tchau.

sábado, 30 de dezembro de 2017

Em observação, na Smart Fit - 19

Hoje é sábado. São 09:24.

Estou na Smart Fit, sentada em um aparelho.

Ao meu lado direito, um aparelho vazio. Ao meu lado esquerdo, um vão por onde as passam. Atrás de mim, um vão por onde as pessoas passam.

Um homem passa atrás de mim carregando uma mochila.

Estou em outro aparelho. Ao meu lado direito, um aparelho vazio. Ao meu lado esquerdo, um aparelho vazio.

Um homem senta no aparelho..

Um homem passa atrás de mim.

Um homem passa atrás de mim.

Uma mulher passa atrás de mim carregando duas bolsas.

Uma mulher passa atrás de mim carregando uma garrafa.

O homem saí da cadeira.

Uma mulher passa atrás de mim.

Estou em outro aparelho. Ao meu lado direito, um aparelho vazio. Ao meu lado esquerdo, um aparelho vazio. Na minha frente, um corredor por.

Um homem passa na minha frente. É branco, alto, magro.

Uma mulher passa na minha frente carregando uma bolsa e mexendo no celular.

Estou em outro aparelho. Ao meu lado direito.

Um homem passa na minha frente carregando uma garrafa.

Uma mulher passa na minha frente carregando um pano.

Ao meu lado direito, um aparelho vazio. Ao meu lado esquerdo, um corredor por onde as pessoas passam. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam.

Um homem passa ao meu lado direito carregando uma garrafa.

Um homem passa na minha frente carregando uma garrafa e um peso.

Estou em outra cadeira. 

Uma mulher passa na minha frente.

Três homens passam na minha frente.

Estou na bicicleta. 

Ao meu lado direito, uma bicicleta vazia. Ao meu lado esquerdo, uma bicicleta vazia. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam.

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila. É branco, baixo.

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila e mexendo no celular. 

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente carregando um guarda chuva.

Uma mulher passa na minha frente carregando uma bolsa. É branca.

Uma mulher passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila. 

Uma mulher passa na minha frente carregando uma mochila. Ela é branca.

Um homem passa na minha frente. 

Um homem passa na minha frente. Ele é branco. 

Um homem passa na minha frente. Ele é branco, alto, gordo.

Um homem passa na minha frente. Ele é branco, alto. 

Um homem passa na minha frente carregando o celular.

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila. Ele é branco.

Um homem passa na minha frente carregando uma garrafa. Ele é branco. 

Uma mulher passa na minha frente carregando uma mochila. Ela é branca, baixa, magra, cabelo loiro, comprido. 

Um homem passa na minha frente carregando uma garrafa.

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila. Ele é branco, baixo, magro. 

Um homem passa na minha frente carregando uma mochila e um óculos. Ele é branca.

Um homem passa na minha frente. Ele é negro, alto, magro.

Duas mulheres passam na na minha frente conversando.

Uma mulher passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente carregando uma luva. Ele é branco.

Uma mulher passa na minha frente carregando uma garrafa. 

Uma mulher passa na minha frente.

Uma mulher passa na minha frente.

Uma mulher senta na bicicleta ao meu lado direito.

Um homem passa na minha frente carregando um celular. Ele é branco, alto, gordo. Tem o cabelo castanho, raspado.

Um homem passa na minha frente carregando fones de ouvido.

Uma mulher passa na minha frente carregando uma bolsa. Ela é branca.

Uma mulher.

Um homem.

Um homem.

Um homem passa na minha frente. Ele é branco, baixo.

Uma mulher passa na minha frente. Ela é branca, baixa, magra. 

Uma mulher.

Um homem.

Uma mulher.

Um homem.

Uma mulher.

Uma mulher.

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Em observação, no Infnet - 83

Hoje é quinta-feira. São 16:48.

Estou no Infnet, sentada à minha mesa, no RHG.

Ao meu lado direito, a cadeira da Nayanna vazia. Ao meu lado esquerdo, a janela fechada. Na minha frente, a cadeira do Roberto vazia.

O celular bipa. Telegram do Pedro.

Agora são 17:29.

Estou no mesmo local.

Ao meu lado direito, a cadeira da Nayanna vazia.

Agora são 19:00.

Estou no mesmo local.

Ao meu lado direito, a cadeira da Nayanna vazia. Ao meu lado esquerdo, a janela fechada. Na minha frente, a cadeira do Roberto vazia.

- Vai com Deus.

Roberto senta na cadeira na minha frente.

- Não ouvi. Eu sou surda. Vai com Deus. Tá ótimo. Então não leva, gente. Beijo, vai com Deus.

Roberto levanta e sai.

Ao meu lado direito, a cadeira da Nayanna vazia. Ao meu lado esquerdo, a janela fechada. Na minha frente, a cadeira do Roberto vazia.

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Em observação, no taxi - 21

Hoje é quarta feira. São 20:01.

Estou no táxi, sentada. Ao meu lado direito, porta e janela fechadas. Ao meu lado esquerdo, um banco vazio. Na minha frente, um banco vazio.

O celular toca. André. Falo com ele.

- Vou direto para casa mesmo, moço.

O celular bipa. Telegram do grupo Psicanálise e você.

O celular bipa. Whatsapp da Rieli.

- A terceira a esquerda tá, por favor?

- O senhor tem troco para mim? Eu tou procurando três e não estou encontrando. Aqui, eu tenho trinta. Pode ser sete. Muito obrigada. Boa noite, fica com Deus. Um feliz Natal para o senhor. Amém. Obrigada. 

segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

Em observação, no Infnet - 82

Hoje é segunda-feira. São 18:55.

Estou no Infnet, sentada à mesa, no DPED.

Ao meu lado direito, um corredor por onde as pessoas passam. Ao meu lado esquerdo, parede. Na minha frente, a cadeira da Joana, vazia.

Fábio passa ao meu lado direito. Passa novamente. Ele é negro, alto, magro, careca e usa barba. Veste calça jeans, blusa rosa e tênis cinza. 

Agora são 19:20. Estou no mesmo local. 

Quilder passa ao meu lado direito. Ele é mulato, alto, gordinho, cabelo curto, grisalho. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo vermelha e tênis preto.

O celular bipa. Whatsapp do André. 

O celular bipa. Hangout da Beth.

Luana passa ao meu lado direito carregando umas folhas de papel. Ela é branca, magra, baixa, cabelo loiro, liso e comprido.

Fábio passa ao meu lado direito. Passa novamente. Ele é negro, magro, alto, careca. Usa barba. Veste calça jeans, blusa rosa e tênis cinza. 

O celular bipa. Whatsapp do André.

Fábio passa ao meu lado direito. Passa novamente. Passa novamente. Ele é negro. Passa novamente. Passa novamente. 

sábado, 23 de dezembro de 2017

Em observação, na Smart Fit - 18

Hoje é sábado. São 09:36.

Estou na Smart Fit, sentada em um aparelho. 

Ao meu lado direito, o aparelho. Ao meu lado esquerdo, um corredor por onde as pessoas passam. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam.

Wallace passa ao meu lado esquerdo. Passa novamente.

Estou em outro aparelho. Ao meu lado direito, o aparelho. Ao meu lado esquerdo, um corredor por onde as pessoas passam. Na minha frente, um outro aparelho vazio.

O celular bipa. Whatsapp do André.

Estou em outro aparelho. Ao meu lado direito, um outro aparelho vazio. Ao meu lado esquerdo, um outro aparelho vazio. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam.

Wallace passa na minha frente. Ele é branco, baixo, magro. 

O celular bipa. Whatsapp do André.

Wallace passa na minha frente. Ele é branco, baixo, magro. Cabelo castanho, raspado. Veste uniforme da Smart Fit. Bermuda preta, blusa amarela e tênis preto. Passa novamente. Passa novamente. Ele é branco, baixo, magro. Passa novamente. Ele é branco, baixo.

Um homem passa na minha frente carregando um celular. É mulato.

Wallace passa na minha frente. Ele é branco, baixo, magro, cabelo. Wallace passa na minha frente. Ele é branco.  Wallace passa na minha frente. Ele é branco, baixo, magro. 

Um homem.

Um homem passa na minha frente. 

Wallace passa na minha frente. Ele é branco. Wallace passa na minha frente novamente. Ele é branco, baixo, magro. Tem o cabelo castanho. Passa novamente na minha frente. Passa novamente na minha frente. Ele é branco, baixo.

Agora estou na bicicleta. Ao meu lado direito, uma esteira vazia. Ao meu lado esquerdo, uma bicicleta vazia. Na minha frente, parede. Atrás de mim, um vão por onde as pessoas passam.

Uma mulher passa atrás de mim. Passa novamente. Ela é negra. Passa novamente atrás de mim. Ela é negra, baixa, magra. Tem o cabelo encaracolado, preso num coque no alto da cabeça. Usa óculos. Veste calça legging preta, blusa preta e tênis rosa. 

Um homem passa atrás de mim carregando uma mochila e um saco.

Um homem passa atrás de mim carregando uma bolsa.

Uma mulher passa atrás de mim carregando uma bolsa. Ela é negra, alta, magra. Tem o cabelo crespo, preso num coque no alto da cabeça. 

Wallace passa atrás de mim. Ele é branco, baixo, magro. Tem o cabelo castanho, curto. Veste bermuda preta, blusa amarela e tênis preto. Wallace passa atrás de mim. Ele é branco, baixo.

Uma mulher passa atrás de mim. 

Uma mulher passa atrás de mim carregando uma mala. Ela é branca, alta, magra.

Um homem passa atrás de mim carregando uma bolsa. Ele é mulato, alto.

Um homem passa atrás de mim carregando uma mochila. Ele é branco, alto, magro, tem o cabelo castanho, curto. Veste calça preta, blusa regata branca e tênis preto. Sua mochila é daquelas de saco e preta. Usa um relógio preto e brinco de argola na orelha esquerda. Tem a barba por fazer. 

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Em observação, no Psicologia e Coaching - 369

Hoje é quinta feira. São 07:53.

Estou no consultório Psicologia e Coaching sentada a mesa.

Ao meu lado direito, uma porta aberta. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

O celular bipa. Email que chegou.

Volto ao silêncio.

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

Em observação, no Infnet - 81

Hoje é quarta-feira. São 19:12.

Estou no Infnet, sentada à mesa, no DPED.

Ao meu lado direito, um corredor por onde as pessoas passam. Ao meu lado esquerdo, parede. Na minha frente, a cadeira da Joana, vazia.

Quilder passa ao meu lado direito carregando uma folha.


O celular bipa. Telegram do Gustavo.


Quilder passa ao meu lado direito. Ele é mulato, alto, gordinho, tem o cabelo grisalho. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa azul e tênis preto.


O celular bipa. Telegram do Gustavo.


O celular bipa. Whatsapp do grupo CEPAC Gente.


Quilder passa ao meu lado direito. Ele é mulato, alto, gordinho, tem o cabelo grisalho, curto. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa azul e tênis preto.


Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, alto, magro, careca, e usa barba. Veste calça jeans, blusa cinza e tênis cinza.


O celular bipa. Whatsapp da Beth. 


Fábio passa ao meu lado direito carregando um grampeador. Passa novamente.


Ingrid passa ao meu lado direito. Ela é branca, alta, magra, loira, cabelo liso e comprido. Usa óculos. 


Fábio passa ao meu lado direito.


O celular bipa. Whatsapp da Beth.


Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, alto, magro, careca e usa barba. Veste calça jeans, blusa cinza e tênis cinza. 


Quilder passa ao meu lado direito carregando o celular. Ele é mulato, alto, gordinho.


Ingrid passa ao meu lado direito. Ela é branca, alta, magra, loira, cabelo liso e comprido. Usa óculos. Veste um vestido estampado, longo, e sapato alto, bege. 


O celular bipa. Whatsapp da Janaina.


Quilder passa ao meu lado direito. Ele é mulato.


O celular bipa. Whatsapp da Janaina.


Um homem passa ao meu lado direito carregando uma mochila. Passa novamente.


Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, alto, magro, careca e usa barba. Veste calça jeans, blusa cinza e tênis cinza.


O celular bipa. Whatsapp da Janaina. 


Fábio passa ao meu lado direito.


Luana passa ao meu lado direito. Ela é branca, magra.


O celular bipa. Telegram do Gustavo.


Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, alto, magro, careca e usa barba. Veste calça jeans, blusa cinza e tênis cinza. 


- Claro!


Ingrid passa ao meu lado direito. Ela é branca, alta, magra, loira, cabelo liso e comprido. Usa óculos. Veste um vestido estampado, longo, e sapato alto, bege.


Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, alto, magro, careca e usa barba. Veste calça jeans, blusa cinza e tênis cinza.


Ingrid passa ao meu lado direito. Ela é branca, alta, magra, loira, cabelo liso e comprido. Usa óculos. Veste um vestido estampado, longo, e sapato alto, bege.


Quilder passa ao meu lado direito carregando umas folhas de papel.


O celular bipa. Whatsapp do José Fernando. 


Fábio passa ao meu lado direito. 


Ingrid passa ao meu lado direito carregando uma bolsa.


- Tá bom. Tá ótimo. 


Fábio passa ao meu lado direito.


- Eita, coitada... Nossa, graças a Deus. 

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Em observação, no Psicologia e Coaching - 368

Hoje é terça feira. São 07:55.

Estou no consultório Psicologia e Coaching sentada a mesa.

Ao meu lado direito, uma porta aberta. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

O celular bipa. Email do Adérito Simões.

Volto ao silêncio.

- Bom dia!

O celular bipa. Email do suporte.

Volto ao silêncio.

O celular bipa. Email do suporte.

Volto ao silêncio.

Em observação, no táxi - 20

Hoje é segunda feira. São 19:38.

Estou no táxi, sentada.

Ao meu lado direito, porta e janela fechadas. Ao meu lado esquerdo, um banco vazio. Na minha frente, um banco vazio.

- Não. Pode ir por baixo, porque a gente precisa passar na Itapiru. 

O celular bipa. Whatsapp da Marcella.

Bipa novamente. Whatsapp do André.

- Moço, ali na frente. Pode ir.

sábado, 16 de dezembro de 2017

Em observação, no Psicologia e Coaching - 367

Hoje é sábado. São 11:36.

Estou no consultório Psicologia e Coaching sentada a mesa.

Ao meu lado direito, uma porta aberta. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes apagadas e tudo silencioso.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Em observação, na Office Dente

Hoje é terça feira. São 08:51.

Estou na Office Dente, sentada na recepção.

Ao meu lado direito, um banco vazio. Ao meu lado esquerdo, parede. Na minha frente, um vão por onde as pessoas passam.

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Em observação, no Infnet - 80

Hoje é segunda-feira. São 19:04.

Estou no Infnet, sentada à mesa, no DPED.

Ao meu lado direito, um corredor por onde as pessoas passam. Ao meu lado esquerda, parede. Na minha frente, a cadeira da Joana, vazia.

Ingrid passa ao meu lado direito.

Joana passa ao meu lado direito.

Ingrid passa ao meu lado direito.

- Tá bom, tá ótimo.

Agora são 19:10.

Estou no mesmo local.

Quilder passa ao meu lado direito.

Joana sentada na minha frente, digitando no computador. Levanta da cadeira. Passa ao meu lado direito.

Agora, a cadeira na minha frente está vazia.

Joana passa ao meu lado direito. Passa novamente.

sábado, 9 de dezembro de 2017

Em observação, no Dr. School

Hoje é sábado. São 11:08.

Estou no Dr. Scholl, na podóloga Joice.

Estou sentada na cadeira da podóloga.

Ao meu lado direito, uma porta fechada. Ao meu lado esquerdo, parede. Na minha frente, Joice trabalhando.

Ela é mulata, alta, gorda. Está com uma calça branca, jaleco branco, touca branca e máscara branca. Usa óculos. Está trabalhando em silêncio. Passa creme nos meus pés. Pega um papel toalha. Joga fora. Pega os materiais. 

- Luana, todos os kits são esterilizados em autoclave, tá?

- Tá ótimo, muito obrigada.

- Vou abaixar aqui. 

- Tá bem.

- Ai.

- Relaxa o pé. Fica tranquila.

- Aí, isso é bom.

Ela trabalha nos meus pés, em silêncio.

- E aí?

- Está ótimo. Eu acho que um pouquinho acima. Eu não sei se está doendo porque você mexeu... 

- É, é porque eu tirei.

- Está ótimo, eu vi.

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Em observação, no táxi - 19

Hoje é quinta feira. São 20:02.

Estou no táxi, sentada.

Ao meu lado direito, porta e janela. Ao meu lado esquerdo.

O celular toca. Ligação da Myriam.

Ao meu lado esquerdo, o banco vazio. 

O celular toca. Ligação da Myriam.

Na minha frente, um banco.

- Lá no final, a minha direita, por favor. Perae, moço. Deixa eu ver se tenho aqui certinho. Aqui, está certinho. Muito obrigada. Boa noite. 

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Em observação, no Psicologia e Coaching - 366

Hoje é terça feira. São 19:03.

Estou no consultório Psicologia e Coaching sentada a mesa.

Ao meu lado direito, uma porta aberta. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes acesas e tudo silencioso.

O celular bipa. Whatsapp do Leonardo.

Volto ao silêncio.

O celular bipa. Whatsapp da Carolina.

Volto ao silêncio.

Em observação, no táxi - 18

Hoje é segunda feira. São 20:11.

Estou no táxi, sentada.

Ao meu lado direito, porta e janela fechadas. Ao meu lado esquerdo, a casinha verde dos gatos. Na minha frente, um banco vazio.

O celular bipa. Whatsapp da Thiessa.

- Falo sim. Pode deixar. E mais lá na frente.

O celular bipa. 

sábado, 2 de dezembro de 2017

Em observação, no Psicologia e Coaching - 365

Hoje é sábado. São 12:05.

Estou no consultório Psicologia e Coaching sentada a mesa.

Ao meu lado direito, uma porta aberta. Ao meu lado esquerdo, uma cadeira vazia. Na minha frente, uma cadeira vazia.

Por aqui, luzes apagadas e tudo silencioso.

Em observação, no táxi - 17

Hoje é sexta feira.

O celular bipa. Whatsapp do André.

São 20:30.

Estou no táxi, sentada. 

Ao meu lado direito, porta e janela fechadas.

O celular bipa. Whatsapp do André.

Ao meu lado esquerdo, o banco vazio.

O celular bipa. Whatsapp do André.

Na minha frente, um banco vazio.

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Em observação, no Infnet - 79

Hoje é quinta-feira. São 17:05.

Estou no Infnet, na sala SJ 206, sentada à mesa.

Ao meu lado direito, um espaço vazio. Ao meu lado esquerdo, janela. Na minha frente, parede.

Por aqui, luzes acesas e só o barulho do ar condicionado.

Cinco candidatos estão fazendo o AC, em silêncio.

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Em observação, no Infnet - 78

Hoje é segunda-feira. São 19:21.

Estou no Infnet, no DPED, sentada à minha mesa.

Ao meu lado direito, um vão por onde as pessoas passam.

- Nada, amigo.

Ao meu lado esquerdo, parede. Na minha frente, mesa e cadeira da Joana, vazias.

O celular bipa. 

- Eita... Ah, tava congelado... Exato... Deve ter...

Quilder passa ao meu lado direito. Passa novamente. Passa novamente. Passa novamente. Ele é mulato, alto, um pouco gordinho. Tem o cabelo grisalho, usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo verde e tênis preto. 

- Não quero não, amigo. Muito obrigada. 

Eu rio.

- É, eu também não era muito boa não. Eu também não era muito boa... Olha...

Quilder passa ao meu lado direito. Passa novamente. Passa novamente carregando um papel. 

- Não vi não. Ah, sim. Esse grupo é bacana, né? Algumas sim. A Julyana, e o Álesson, e o Mário. André que me botou. Era um grupo de amigos dele. Ele conhece geral. Isso que eu ia falar, cacete. Eu falo isso sempre. Exatamente... Exatamente!

Quilder passa ao meu lado direito. 

- Tchau, vai com Deus.

Joana passa ao meu lado direito. 

Ana passa ao meu lado direito. 

Ingrid passa ao meu lado direito carregando um canudo. 

- Quilder. Joaninha.

Quilder passa ao meu lado direito. 

Ingrid passa ao meu lado direito carregando duas bolsas. 

- Foi um prazer, Lu. Vai com Deus. Tá bom. Adoro!

Luana passa ao meu lado direito.

Joana passa ao meu lado direito. 

- Não, vou experimentar... Mas eu comprei uma. Hoje. É. À tarde.

Fábio passa ao meu lado direito. Ele é negro, magro, alto. 

Quilder passa ao meu lado direito. Passa novamente. Ele é mulato, alto, um pouco gordinho. Tem o cabelo grisalho, usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo verde e tênis preto. Passa novamente. Ele é mulato, alto, um pouco gordinho. Tem o cabelo curto, grisalho. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo verde e tênis preto. Passa novamente. Ele é mulato, alto, um pouco gordinho. Tem o cabelo curso, grisalho. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo verde e tênis preto. Passa novamente carregando uma pasta. Ele é mulato, alto, um pouco gordinho. Tem o cabelo curto, grisalho. Usa óculos. Veste calça jeans preta, blusa pólo verde e tênis preto. 

O celular bipa. E-mail da Flávia que chegou.