sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Em observação, na Avenida das Américas

Hoje é sábado. São 08:19h.

Estou na Avenida das Américas, sentada no ponto do ônibus em frente ao Barra Shopping.

Ao meu lado direito, um banco vazio. Ao meu lado esquerdo, um vão. Na minha frente, um corredor por onde as pessoas passam.

Um homem passa na minha frente. É negro, alto, magro, cabelo preto, curto. Veste bermuda branca, quadriculada, blusa laranja e tênis branco. Passa na minha frente novamente.

Uma mulher para no vão ao meu lado esquerdo.

Um homem passa na minha frente. É negro, alto, magro, cabelo preto, curto. Veste bermuda branca, quadriculada, blusa laranja e tênis branco. Passa novamente.

Um homem passa na minha frente.

Um homem passa na minha frente. É mulato.

Uma mulher passa na minha frente. É negra, alta, magra, cabelo curto tipo black power. Passa novamente.

Uma mulher passa na minha frente e senta ao meu lado direito. É branca, baixa, magra.

Um homem passa na minha frente.

A mulher ao meu lado direito levanta e sai.

A mulher ao meu lado esquerdo sai.

Uma mulher passa na minha frente. É branca, magra, alta e loira, com cabelo liso. Usa óculos escuros. Veste calça jeans, blusa estampada, chinelo.

Um homem passa na minha frente. É branco, magro, alto, cabelo castanho e usa óculos escuros. Veste calça preta, blusa azul e tênis vermelho.

Uma mulher passa na minha frente. É branca, baixa, magra, loira, cabelo liso e usa óculos. Passa novamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário